Foto: Haeckel Dias

Dois suspeitos de matar o motorista por aplicativo Diego de Araújo Monteiro e atear fogo no carro dele foram presos, por policiais da Delegacia de Homicídios (DH) de Juazeiro, cidade na qual ocorreu o crime, no dia 13 de março.
O titular da DH/Juazeiro, delegado Thiago Pessoa, explicou que as investigações indicaram que a dupla pretendia assaltar a vítima. “Verificamos que ao anunciarem o roubo do veículo, o motorista teria se desesperado e tentado pegar um objeto debaixo do banco, nesse momento os criminosos desferiram golpes de arma branca contra ele”, detalhou o delegado.
Ainda de acordo com os levantamentos, os suspeitos atearam fogo no carro de Diego, com o objetivo de apagar os vestígios e dificultar a apuração do crime. “O veículo foi encontrado carbonizado”, acrescentou o titular. A dupla, de 19 anos, já estava com as prisões preventivas decretadas e permanece custodiada, à disposição da Vara Criminal.

Fonte: Ascom – Polícia Civil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.