Ilustração

O Google anunciou nesta quarta-feira (11), durante a conferência anual do Google I/O, versão beta do Android 13. Assim como já havia sido mostrado na versão para usuários do Pixel em abril, o update do sistema operacional não conta com grandes mudanças no quesito visual. As principais atualizações estão focadas em melhorias de desempenho, segurança e privacidade dos aparelhos. Confira as novidades:

Permissões de notificação

Um dos novos e mais aguardados recursos é a permissão para receber notificações. Quando o usuário acessar um aplicativo recém-instalado, ele deve se deparar com uma mensagem perguntando se deseja ou não receber notificações do app. A função já é conhecida pelos usuários do iPhone.

Mais ícones temáticos

O Android 13 contará com quatro novos estilos temáticos baseados no design Material You, disponível também no Android 12. Agora, os ícones também ganharão o tom de cor de acordo com o tema da interface e do plano de fundo escolhido pelo usuário. O design do controle de mídia também se adaptará com base na música que está tocando, com uma arte do álbum. Ainda falando sobre personalização, as pessoas que falam mais de um idioma poderão configurar seu celular para exibir diferentes línguas. Um usuário poderá utilizar as redes sociais em inglês e aplicativos de bancos em português, por exemplo.

Bluetooth Low Energy

Outra novidade é a tecnologia de suporte nativo do Áudio Bluetooth Low Energy (BLE), que deve consumir até 10% menos de bateria, em comparação aos sinais clássicos de transferência. O Bluetooth LE também garante áudio com mais qualidade para dispositivos sem fio, além de permitir a conexão de mais de um aparelho ao mesmo tempo.

API de Photo Picker

A API do Photo Picker garante mais privacidade ao usuário. Com ela, os aplicativos do celular poderão acessar apenas as fotos e os vídeos selecionados, sem que a pessoa precise autorizar o acesso total a toda a galeria. Ou seja, será possível selecionar, um a um, quais arquivos serão compartilhados.

Além disso, a quantidade de aplicativos que exigem a localização dos usuários também será reduzida. Não será mais preciso conceder a localização a aplicativos para ativar a verificação de Wi-Fi, por exemplo.

Disponibilidade do Android 13

Até o momento, a versão para desenvolvedores do sistema operacional estava disponível apenas para os dispositivos da linha Pixel: Pixel 6 Pro, Pixel 6, Pixel 5a 5G, Pixel 5, Pixel 4a (5G), Pixel 4a, Pixel 4 XL e Pixel 4. Agora, as primeiras marcas a receberem o sistema operacional são: Asus, Lenovo, Nokia, OnePlus, Oppo, Realme, Sharp, Tecno, Vivo, Xiaomi e ZTE.

Fonte: Tecmundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.