Foto: Reprodução/Agência Brasil

Foi publicado no Diário Oficial da União, a portaria que cria um grupo de trabalho para elaborar um projeto de abordagem para a alfabetização de surdos, por parte do Ministério da Educação. O projeto servirá como subsídio para a formulação de políticas públicas para educandos surdos, surdocegos, pessoas com deficiência auditiva sinalizantes, surdos com altas habilidades ou superdotação ou com outras deficiências associadas.

Segundo a publicação, o grupo de trabalho será composto por cinco representantes: da Secretaria de Modalidades Especializadas de Educação (Semesp); da Secretaria de Alfabetização (Sealf); de Instituição Federal de Ensino Superior, com experiência na educação infantil de surdos; de Instituição Federal de Ensino Superior, com experiência nas séries iniciais do ensino fundamental de surdos; e de Instituição Federal de Ensino Superior, que possua pesquisas e estudos na alfabetização e educação de surdos.

O Grupo de Trabalho (GT) será coordenado pelo titular da diretoria de Políticas de Educação Bilíngue de Surdos. Além disso, poderão ser convidados para integrar o grupo representantes de órgãos e entidades públicas, bem como especialistas na temática, para participar das reuniões. A ação terá duração de seis meses, podendo ser prorrogada uma vez por igual período.

Fonte: Agência Brasil/Muita Informação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.