Foto: Reprodução/Twitter

O Conselho Federal e a Seccional de Sergipe da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SE) declararam irão pressionar as autoridades as providências cabíveis, por suspeita de assassinato de Genivaldo de Jesus Santos por policias rodoviários federais. A Ordem também indicou que quer a prisão cautelar dos envolvidos. A OAB Nacional e a OAB Sergipe requerem a adoção de medidas preventivas imediatas pela PRF, com intenção de evitar que uma situação semelhante volte a acontecer, e para garantir a prestação de assistência à família da vítima.

 As instituições lamentaram a situação e afirmaram que não pode ser considerado caso isolado, e ainda disseram que o assassinato sistemático de pessoas negras é uma triste realidade de nosso país, que carece de ações específicas para ser superado.

Fonte: Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.